sexta-feira, 29 de abril de 2011

Como Ser Princesa

.
Se você leu este título e se animou pensando que aqui você encontraria dicas plausíveis, verdadeiras e corretas de como efetivamente se tornar um membro da realeza (não sei porque você pensaria isso, afinal, quando foi que eu escrevi alguma coisa séria neste blog, gente?), sinto te dizer que vou te decepcionar. Por outro lado, você está prestes a ler um post um tanto bobo, mas um tanto divertido sobre o que a ficção te ensina sobre a profissão "princesa", olha que legal (y)

Porque, não sei se você já percebeu, o cinema adora histórias de princesas contemporâneas. Umas querem sair da vida de dondocas que levam e experimentar o mundo real, outras tem que abandonar suas vidas de gente como a gente pra assumir o governo de seus países, outras são apenas remakes de clássicos da Disney. O fato é que histórias de princesas sempre tem um apelo enorme e um público cativo (leia-se meninas de até 15 anos e algumas pessoas toscas que não cresceram e não perdem uma reprise de O Diário da Princesa na tv = eu).

Daí que, no meio desta ilusão cinematográfica toda, achei uns 5 pontos (ou 5 lições, se você quer fingir que a coisa é mais pedagógica) mais ou menos em comum nos filmes do gênero, 5 condutas que toda princesa que se preze (da ficção ou não) devia seguir. São eles:

Parece óbvio, mas não é: é necessário achar uma família real para chamar de sua para, só então, poder se considerar uma princesa! Algumas aparecem de surpresa - vide avó da Mia em O Diário da Princesa - e outras conquistam sem nem anunciar que o sangue ali é nobre - acontece com a Blair no começo da 4ª temporada de Gossip Girl e é também o caso do filme Um Príncipe em Minha Vida, na qual o príncipe se matricula na mesma universidade que a garota estuda (quer dizer, daí a gente entende que universidade é um bom lugar pra achar príncipe, certo? tô esperando o meu aparecer aqui em SP ainda…)


Esqueça seu look "mendiga inspired" pra ficar em casa! Hahaha, princesa de verdade tá sempre bem arrumada. Pode não estar mega chique, super maquiada, mas sempre dá pra ver que ela é, digamos, um "biscoito fino". Por essas e outras que a princesa Mia fez este makeover sensacional (do qual inclusive já comentei neste post). Sim, dói até a alma tirar a sobrancelha. Mas acho que elas acreditam que a coleção de jóias da coroa e o príncipe gato ao lado valem o esforço. :S


Tá pensando que vida de princesa é só festa e gente fresca? Tem que saber lidar muito bem também com os compromissos, com as relações internacionais, a economia, a política, a falta de privacidade, e, claro, com nossos coleguinhas da imprensa. O casalzinho de Um Príncipe em Minha Vida se ferrou com os paparazzi, e a protagonista de A Princesa e o Plebeu fez pior: se apaixonou por um desses vermes do jornalismo, haha. Quer dizer, é sempre bom ter cautela com essa galere. Nunca se sabe por onde eles se escondem. E tem muita gente por aí que perde o amor, mas não perde a pauta, haha ;P


É, porque nem sempre o seu reino vai ser onde você quer que ele seja. Às vezes você tem que se mudar de São Francisco para a Genóvia. E às vezes, o feitiço da bruxa má faz a coitada da princesa cair do reino de Andalásia para a terrível Nova York (caso da princesa Giselle em Encantada). Outro fato que se encaixa nesse conceito, de forma diferente: seu príncipe pode não ser de uma família real, nem aparecer do nada na sua vida. Mas você pode conquistá-lo com o que tem em mãos. Em A Nova Cinderela, a protagonista em questão faz o cara se apaixonar por ela só com troca de emails. Um suspiro de realidade em meio à tanta fantasia (tá, menos).


Porque, no fundo, com clichê e tudo, de nada adianta um cabelo lindo, roupas de grife, um príncipe perfeito e uma vida de luxo se você não tem caráter e não usa sua posição privilegiada pra fazer coisas boas. Aliás, isso vale para princesas, plebéias, todo mundo, né. Tá cheio de gente aí se achando muito nobre e tratando mal os outros, se achando superior, e, no fundo, sendo bem tosca, né. Fica a dica. A verdadeira nobreza está nas atitudes ;)


No fim, eu que dizia achar desnecessário todo este estardalhaço em torno do casamento de Will e Kate, fiz vários posts relacionados ao assunto. Agora que chegamos ao fim da semana (e de toda essa overdose de notícias sobre isso, graças a deus), só nos resta (re)ver mil vezes o lindo vestido, o lindo casamento, as comidas, e continuar assistindo estes filmes bobinhos porém adoráveis sobre princesas. Vamos acompanhar :)

2 comentários:

  1. ótimas dicas! Príncipe Harry que nós aguarde! hahah
    Se puder depois dê uma passadinha no meu blog e se gostar siga!

    http://magicafeminina.blogspot.com/

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. ooooooooooooooooooooooooooo louca quem ser prinsesa kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir