quinta-feira, 30 de junho de 2011

No Repeat


The Kinks - All Day and All of the Night

Essa é a vida que eu quis

.

O que eu mais tenho feito nessa primeira semana de férias combinada com o frio do mal de São Paulo ->>>>> dormir. Mas também tô vendo que tanta leseira assim pode ter seu lado ruim. Dormi no ponto e agora não tem mais ingresso (nem companhia) pra estreia de Harry Potter. Muuito bonito :PP

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Dear Photograph

.
É uma experiência curiosa isso de voltar a um lugar em que você lembra de ter tirado uma foto muito tempo atrás. É divertido lembrar do que aconteceu lá e observar as mudanças que ocorreram ou não no local. Mas também é meio triste, de uma nostalgia sem fim.

É exatamente isso que me passou o Dear Photograph. É um projeto participativo, que propõe que as pessoas mandem fotos tiradas há tempos sobrepostas à uma foto atual do mesmo lugar. Ok, essa minha explicação foi muito um pouco confusa, então é melhor você ver direito do que eu estou falando:







Muito, muito lindo. Vale entrar no site pra ver mais fotos e ler os comentários que as pessoas fazem sobre elas. E também pra pegar o email pro caso de dar vontade de mandar sua contribuição também :)

terça-feira, 28 de junho de 2011

Melhores Clipes - House Party

.
Bom, todo mundo viu o mais recente clipe da Katy Perry, né? Last Friday Night é, pra mim, um dos melhores clipes dos últimos tempos. Adoro um bom clipe com historinha, com participações especiais, e esse é divertidíssimo, mega colorido e a música é bem grude.


Mas aí também dá uma certa depressão. Porque né, nos Estados Unidos pode até ser que seja uma realidade, mas aqui no Brasil, acreditar que uma festa dessa é super normal de acontecer é uma das grandes ilusões da juventude. Sério, tô errada? Não conheço gente que costuma frequentar house parties em casa de gente cujos pais viajaram (aliás, cê jura que os pais realmente viajm e deixam a casa acreditando que o filho não vai fazer nada? vamos trocar o clichezão, né, gente?), festas que lotam da gente que o próprio anfitrião nunca viu mais gordos, e pior ainda, festas em que o bonitão da galere fica com a menina estranha de aparelho. Não sei com vocês, mas por aqui, never happened.

Li até um post dia desses (no cookies, papel e tinta) falando que as festas que a gente vai às vezes não são o que a gente espera ser. Eu acho que as músicas e os clipes tem uma culpa grande nisso aí. Porque né, se a gente não se iludisse tanto com eles e não criasse tanta expectativa, talvez a gente se surpreendesse.

Daí que eu resolvi achar alguns exemplos de clipes com house parties pra acabar logo com essa ilusão - ou ter ainda mais vontade de ver como é uma dessas de verdade.

Cherish - Do It To It


Festas em que vai mais gente do que o convidado eu já ouvi falar. Mas festas igual a da menina da música, em que a casa dela é invadida por pessoas X, que lotam totalmente o lugar, e o pior: sem nenhum vizinho reclamar, ou alguém passar mal de bêbado, isso, acho muito, muito difícil, haha.

Just Dance - Lady Gaga


As house parties são uma coisa tão icônica que o primeiro single de Lady Gaga, que revelou a cantora, teve, como historinha, uma delas. Mas olha, nesse caso eu nem questiono. Porque né, qualquer festa que tenha Lady Gaga justifica toda a loucura e falta de normalidade possíveis.

Leona Naess - Leave Your Boyfriends Behind


Ah, as festinhas indie. A pessoa se arruma (quer dizer, se arrumar no caso é só passar um lápis e colocar um chapéu pra fazer a alternativa) à luz de velas (!), pega sua bicicleta (!!) e vai pra festa, que toca uma música calminha e todos os seus amigos fazem coro e cantam juntos num momento poético. Sério, gostaria muito de participar desse evento, acho muito legal e muito bonito. Mas também muito irreal.

3OH!3  - House Party


Os caras do 3OH!3 acham tão sensacionais as house parties que ficam repetindo na música coisas como "fuck the clubs" e "fuck the dj's". E várias fotos das tais festas ficam passando no fundo pra a gente ver que é tudo isso mesmo. Mas aí vem uma pessoa e faz um sábio comentário ao vídeo no youtube: "this is a joke, right?". Pois é.

Cyndi Lauper - Girls Just Wanna Have Fun


Essa ganha de todas as outras festas. A limda da Cyndi Lauper, toda trabalhada na popularidade lá nos anos 80, liga pras amigas (todas com penteados incríveis) e chama mais uma galera pra festa - pausa - no quarto dela. E a galera - que misteriosamente cabe dentro do quarto - não para de dançar, joga confete pro alto, se acaba na festcheenha. Quer dizer, quando ela dizia que só queria se divertir, acho que dá pra concluir que Cyndi não estava brincando em serviço, néam.


Então, se você souber de alguma festa assim, que seja um negócio muito bom mesmo, nível Se Beber Não Case de diversão, por favor, me chame, coisas assim estão em falta na minha vida. Se não, desculpa, mas acho que vou continuar trollando, haha ;P

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Um Darth Vader sabor blueberry, por favor

Eu sei que a gente está no inverno, que todo mundo agora só fala de foundue e festa junina, que sorvete é assunto de verão e muita gente nem gosta de passar perto dele nessa época do ano (eu adoraria, mas é a conta de eu tomar algo muito gelado no frio e ter tremedeira e dores no peito de friagem. juro, não existe ninguém mais velhinha do que eu).

Mas né, por uma ideia tão criativa e linda dessas, a gente até faz um esforço pra deixar o morango com chocolate de lado. A produção é de uma marca russa, que deciciu fazer sorvetes em forma de grandes personalidades ou ícones da cultura pop mundial. E o mais legal, cada um tem seu sabor característico:








Para ver mais sabores e fotos, só clicar aqui
E eu que sempre endeusei o Häagen-Dazs de doce de leite, tô desejando incondicionalmente esse Mickey sabor manga, hahaha ;)

quarta-feira, 22 de junho de 2011

O cabelo do momento

.
Esse não é um post de super utilidade e interesse público (em geral, nenhum é, mas enfim). Também não é algo super reflexivo, que vai fazer uma super diferença na sua vida. Mas sabe aquelas coisas absolutamente inúteis, pensamentos que perseguem a gente, em que a única e tosca solução pra tentar se livrar deles é fazer um post no seu blog? Então.

Dia desses, apareceu no meu facebook (via @is_adorable e @AnaDasDocas) um video muito, muito lindo de um casamento. A noiva é designer e fez uma decoração incrivelmente fofa do casório todo, dos cupcakes até a meia-calça das madrinhas. Mas apesar de tudo isso já chamar bastante atenção, eu reparei mesmo foi no cabelo da moça.

Eu não sou nenhuma Dia de Beauté ou Fashionismo pra ficar fazendo super posts capilares e tal. Mas olha, eu tô quase concluindo que (assim, na minha opinião, tá?), se Farrah Fawcett representava o cabelo dos anos 70, Madonna o dos anos 80, Jennifer Aniston o dos anos 90 e Giselle Bundchen o dos anos 2000, Zooey Deschanel é a cara das madeixas desse comecinho dos 2010 (sim porque a noiva do video praticamente é um cosplay dela, né).


Sério, pense quantas fashionistas e meninas estilosinhas você já não viu com esse corte: franja bem cheia + cabelo comprido com eventuais cachos. Já inclusive falei do look dela nesse post aqui, que representa bem essa geração. Não sei muito bem dizer qual é a influência (tem gente que diz que é meio pin-up, eu não enxergo muito isso, não), mas sei que é lindo e fez SUPER bem pra ela. Veja um antes e depois do penteado magia:


E veja também outras famosas que usam/já usaram (mesmo as que ficariam muito melhoers sem franja) o look meio que no mesmo estilo (guardadas as devidas variações) :




Quer dizer, se daqui a alguns anos o povo começar a fazer releituras dos penteados marcantes de décadas passadas (tipo essa que a Lia fez) ou se vestir de Summer em festas à fantasia, não digam que eu já não tinha previsto.

terça-feira, 21 de junho de 2011

Tumblr legal do dia - awesome people hanging out together

.
Tem uma cena no filme "Quase Famosos" em que Tom, o protagonista, pergunta pra Penny Lane, a groupie: "Por que você não tem amigos normais?" (ou algo nesse sentido), e ela responde: "Gente famosa é mais interessante".

Daí você acha este tumblr que vos apresento e fica achando que ela realmente tinha razão. Awsome People Hanging Out Together tem o único objetivo de postar fotos de pessoas famosas, celebridades, conversando, rindo, se divertindo, mostrando que são divertidas e que são, aparentemente, ótimas companhias. E daí vem aquela vontade insaciável de ser amiga delas também…

David Bowie, Iggy Pop e Lou Reed, 1972 

Príncipe William, Kanye West, Príncipe Harry e P. Diddy 

Steve Jobs e Bill Gates

Robert Redford e Dustin Hoffman 

 Elvis Presley e Sophia Loren

Mick Jagger, John Lennon e Yoko Ono


Daí a gente fica pensando se eles realmente eram famosos assim, integralmente, ou se essas fotos são apenas resultado de um momento divertido da vida deles. Quando eu for amiga de algum famoso, prometo que eu descubro :)

No Repeat

.


Foster the People - Pumped Up Kids

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Coming Soon - 10 próximos filmes que merecem sua atenção

.
Vou confessar que escrever sobre os próximos filmes que vão estrear nos cinemas é uma das coisas que eu mais gosto de fazer aqui nesse blog. Sempre me questiono se é realmente útil, se é de interesse público, se não fica uma coisa chata e egoísta, tipo "gosto desse filme e quero falar dele". Mas, como o último post do tipo foi bem recebido, decidi tornar a tag Coming Soon uma coisa fixa, com dois posts por ano, um agora em junho, com filmes que devem estrear neste segundo semestre, e uma em dezembro, com os filmes que devem ser sucesso no próximo ano.

E como hoje estreia um dos filmes que eu mais to loucaaaa pra ver, Midnight in Paris, do Woody Allen, achei que seria uma data simbólica pra falar de outros 10 filmes que eu definitivamente não vou querer perder. E acho que você também não deveria. Alguns mais românticos, outros mais dramáticos, mas todos parecem suprir a nossa dose necessária de escapismo.

Confira, então, 10 próximos filmes que merecem a sua atenção:

One Day


Elenco: Anne Hathaway, Jim Sturgess, Romola Garai
Diretor: Lone Scherfig (de Educação)
Estreia: 09 de setembro aqui no Brasil
Sinopse oficial: O longa acompanha Dexter e Emma, que se conhecem durante uma festa da faculdade em 1988, e se encontra, uma vez por ano, ao longo de 20 anos, sempre no mesmo dia. 
Indicado para quem gostou de: Antes do Amanhecer, De Repente é Amor, Harry e Sally: Feitos Um Para o Outro
Por que deve ser legal: eu compro ingresso só por ter os sensacionais Jim Sturgess e Anne Hathaway como casal principal. Mas acho que vale a pena dizer que o elenco conta também com Patricia Clarkson (a mãe da Olive em Easy A), que o livro do qual o filme foi adaptado é best-seller e que o trailer promete fazer a gente se envolver muito na história.


Amor a Toda Prova (Crazy, Stupid, Love)

Elenco: Emma Stone, Steve Carrell, Ryan Gosling
Diretor: Glen Ficarra e John Requa (de O Golpista do Ano)
Estreia: 26 de agosto aqui no Brasil
Sinopse oficial: O quarentão Cal Weaver (Carell) tem a vida dos sonhos: bom emprego, boas condições de vida, é casado com seu amor da adolescência, filhos bem comportados…Mas essa vida perfeita desaba depois da descoberta de que Emily (Julianne Moore), sua esposa, está tendo um caso e quer o divórcio. Desamparado, Cal conhece Jacob Palmer (Gosling), um cara que vai ensiná-lo a ter estilo, beber e paquerar mulheres. 
Indicado para quem gostou de: O Virgem de 40 anos, Hitch - O Conselheiro Amoroso, Como Perder um Homem em 10 Dias
Por que deve ser legal: Porque o trailer é ótimo, o elenco é ótimo e tem tudo pra ser uma dessas comédias super comentadas e que super ficam como referência depois. Por exemplo, sabe quando alguma coisa aleatória e tragicômica acontece na sua vida e alguém solta um "ah, isso me lembra aquela cena de 'Amor a Toda Prova' em que o personagem tal faz tal coisa…"? Então.


The Art of Getting By

Elenco: Emma Roberts, Freddie Highmore
Diretor: Gavin Wiesen
Estreia: Hoje nos Estados Unidos, sem previsão aqui no Brasil
Sinopse oficial: George (Freddie Highmore), um adolescente solitário e fatalista que está prestes a terminar seu último ano do colegial sem nunca ter matado aula, faz amizade com Sally (Emma Roberts), uma garota popular e complicada que vê nele sua alma gêmea.
Indicado para quem gostou de: Fame, Juno, Uma Noite de Amor e Música
Por que deve ser legal: dessa última safra de filmes jovens e meio que não comerciais, esse é de longe o melhor deles. Parece mais reflexivo, mais complexo, é diferente do que a gente costuma ver num filme jovem, e por isso mesmo merece uma olhadinha.


The Help

Elenco: Emma Stone, Viola Davis, Octava Spencer
Diretor: Tate Taylor
Estreia: 16 de setembro aqui no Brasil
Sinopse oficial: Mississipi, década de 1960. Skeeter (Emma Stone) acabou de terminar a faculdade e sonha em ser escritora. Ela pões a cidade de cabeça para baixo quando decide pesquisar e entrevistar mulheres negras que sempre cuidaram das "famílias do sul". Apesar da confusão causada, Skeeter consegue o apoio de Aibileen (Viola Davis),  governanta de um amigo, que conquista a confiança de outras mulheres que têm muito o que contar. No entanto, relações são forjadas e irmandades surgem em meio à necessidade que muitos têm a dizer antes da mudança dos tempos atingir a todos.
Indicado para quem gostou de: A Vida Secreta das Abelhas, Hairspray, A Cor Púrpura
Por que deve ser legal: o fato de Emma Stone estar estrelando vários filmes agora não é um acaso. Ela é ótima e super vale o voto de confiança. O filme também foi inspirado em um livro best-seller e, se for tão bonito quanto outros filmes com a mesma temática (vide o item acima), tem tudo pra ser sucesso.


Skateland

Elenco: Ashley Greene, Shiloh Fernandez, Heath Freeman
Diretor: Anthony Burns
Estreia: foi em maio nos EUA, sem previsão aqui no Brasil
Sinopse oficial: No começo dos anos 80, numa pequena cidade do Texas, Ritchie Wheeler, um atendente de uma pista de patinação, perde o emprego e tem que lidar com a dura realidade de uma cidade pequena e com o divórcio dos pais.
Indicado para quem gostou de: O Primeiro Ano do Resto de Nossas Vidas, Digam o que Quiserem, Férias Frustradas de Verão
Por que deve ser legal: palmas pra você que viu o título e achou que o filme falava sobre skate, haha. Eu também pensei, e me interessei justamente por isso, mas acho saber que o filme fala de patins, e sobre jovens sem rumo, e que se passa nos anos 80, me deixou ainda mais interessada. Original, sem falar que a trilha sonora também promete.


Killing Bono

Elenco: Ben Barns, Robert Sheenan, Krysten Ritter
Diretor: Nick Hamm
Estreia: foi em abril no Reino Unido, sem previsão aqui no Brasil
Sinopse oficial: O filme conta a história do início do U2 em Dublin, do ponto de vista de uma banda ival formada pelo jornalista Neil McCormick - na época colega de classe de Bono em Mont Temple, e autor do livro que inspirou o filme - e pelo seu irmão. 
Indicado para quem gostou de: Quase Famosos, The Wonders - O Sonho Não Acabou, Rock Star
Por que deve ser legal: esse eu já vi, então eu sei que não só deve ser como é muito, muito legal! Como é uma história real, dá pra imaginar mesmo como eram aqueles lugares, as situações, sem falar que o personagem/a pessoa do Neil McCormick é muito errada, mas ainda assim, é impossível não gostar. Um dos melhores filmes dos últimos tempos, sem dúvida.









Inquietos (Restless)






Elenco


Mia Wasikowska, Henry Hopper, Lusia Strus
Diretor: Gus Van Sant
Estreia: 2 de dezembro aqui no Brasil
Sinopse oficial: Restless tem como protagonistas Mia Wasikowska e Henry Hopper. Ambos partilham a mesma preocupação com a mortalidade, a partir do momento em que a jovem com 16 anos de idade descobre que tem uma doença terminal e se apaixona por um rapaz marginalizado que sofre com a morte de sua família - o que de alguma forma produz um fantasma de um piloto japonês kamikaze da Segunda Guerra Mundial.
Indicado para quem gostou de: Minhas Mães e Meu Pai, Milk - A Voz da Igualdade, Doce Novembro
Por que deve ser legal: da primeira vez que vi o trailer de Inquietos, achei triste demais pro meu gosto (e costumo achar clichê esses filmes de amor em que uma das partes está doente). Mas, numa segunda chance, achei de uma sensibilidade sem fim. Bonito, sem pieguice. E esse garoto, Henry Hopper (filho do ator Dennis Hopper), tem 21 anos, é uma graça e tem tudo pra adquirir um hype tipo "próximo Andrew Garfield".


HappyThankYouMorePlease





Elenco:  Josh Radnor, Kate Mara, Malin Akerman
Diretor: Josh Radnor
Estreia: estreou em março nos EUA, sem previsão aqui no Brasil
Sinopse oficial: Durante o caminho para um encontro com seu novo editor, Sam Wexley, um aspirante a escritor, acaba encontrando o garoto Rasheen. Quando Rasheen se recusa a ficar com as autoridades que poderiam tomar conta dele, Wexley decide abrigar o garoto por alguns dias. Rasheen acaba conhecendo os amigos de Wexley, Annie, uma moça que escolhe muito mal seus parceiros, o casal Mary-Catherine e Charlie, e Mississippi, uma aspirante a cantora que tenta tirar a fobia de relacionamentos de Sam. Aos poucos, Sam vai vendo que a vida adulta é diferente do que ele sempre imaginou. 




Indicado para quem gostou de: Nova York, Eu Te Amo, Vida de Solteiro, How I Met Your Mother
Por que deve ser legal: O filme tem um clima alternativozinho-bonitinho-newyorker irresistível. Me lembrou, de longe, até os filmes de Woody Allen, apesar de não ter nenhuma referência direta. Foi o vencedor do prêmio do público no Festival de Sundance no ano passado. Um dos comentários na página dele no Filmow dizia assim: "Eu poderia servir esse filme de sobremesa que todo mundo iria adorar. É leve e doce. E a trilha sonora é ótima também." Precisa dizer mais?













Professora sem Classe (Bad Teacher)








Elenco:  Cameron Diaz, Justin Timberlake, Jason Segel
Diretor: Jake Kasdam
Estreia: 19 de agosto aqui no Brasil
Sinopse oficial: Diaz vive uma professora desbocada, com sériios problemas de comportamento. Timberlake interpretará um professor substituto e interesse amoroso de Diaz. Quando ela é abandonada por seu parceiro, um velho rico que a sustenta, começa a perseguir um colega de trabalho, o que cria um conflito entre ela e a professora perfeitinha da escola.




Indicado para quem gostou de: Escola de Rock, Tudo para Ficar com Ele, Eu Te Amo, Cara
Por que deve ser legal: Há tempos Cameron Diaz não ganhava um papel engraçado como ela merece e sabe fazer. Outra coisa legal é que esse filme mostra a mulher na posição da errada, da zoada da história, que geralmente costuma ser um "papel de homem". E né, outra boa (ou simplesmente idiota, mas quem liga) razão pra ver esse filme é observar como atuam o ex-casal Justin Timberlake e Cameron Diaz.




Quero Matar Meu Chefe (Horrible Bosses)

Elenco:  Jennifer Aniston, Jason Bateman, Kevin Spacey
Diretor: Seth Gordon
Estreia: 05 de agosto aqui no Brasil
Sinopse oficial: Três amigos decidem que a única coisa que poderia tornar o cotidiano monótono um pouco mais tolerável seria transformar seus chefes em fumaça. Pedir demissão não é uma opção, e assim, com a ajuda de alguns drinks além da conta e do conselho duvidoso de um ex-detento malandro (Jamie Foxx), os três amigos bolam um plano complicado e aparentemente à prova de falhas para se livrarem de vez de seus empregadores.
Indicado para quem gostou de: Coincidências do Amor, Na Mira do Chefe, Matadores de Velhinha
Por que deve ser legal: Boa parte do trailer é dedicada a mostrar os nomes do elenco, então acho que dá pra concluir que os atores são o grande trunfo desse filme. Mas, apesar de não ser uma coisa assim, muito genial, a comédia parece cumprir seu objetivo principal = divertir. E já ganha um ponto por tirar Jennifer de seu eterno papel de Rachel e colocá-la numa coisa mais dirty.



Gostaria apenas de dizer que, após um post gigante desses, me faria muito feliz saber: e você, tá a fim de ver qual filme nesse segundo semestre? :)

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Essa é a vida que eu quis

 .

A cara da menina no primeiro plano define minha opinião sobre esse fim de semestre. Férias, cês já tão chegando?? ;P

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Pencil Vs Camera e outras artes de Ben Heine

.
Com essa presepada de posts especiais do Dia dos Namorados, fiquei segurando esse post, torcendo muito pra não ver o mesmo assunto sendo postado em outros blogs. Por uma felicidade do destino, não foi, e eu posso orgulhosamente falar aqui no blog das ilustrações de Ben Heine.

São as fotos/desenhos mais fofos dos últimos tempos (eu sei que falo isso em praticamente toda série de fotos que posto aqui, mas esse é sério, hahah)! Sabe aquela coisa de olhar pra um lugar e imaginar uma cena, mesmo que seja uma coisa totalmente fantasiosa? Então, o cara faz exatamente isso, com o diferencial que ele imagina e coloca no papel, literalmente.

Seu trabalho mais recente foi uma série de fotos e desenhos especiais para uma galeria de arte na ilha de Cabo Verde, com "cenários" do local. Muito, muito lindo:





Além dessa, Ben Heine já tinha feito uma série anterior, Pencil vs Camera, que serviu de inspiração pra essa, igualmente divertida e criativa.



As duas séries completas podem ser vistas aqui e aqui :)

terça-feira, 14 de junho de 2011

4 discos de junho que valem o play

.
Não sou uma pessoa que se apega muito a discos de bandas (acho bom avisar desde agora também, eu gosto de usar mais a palavra "disco" do que "cd" ou "album". Acho que soa melhor, só por isso, haha). Sou capaz de citar várias músicas ótimas das minhas bandas preferidas, mas se me pedem pra falar um cd mais significativo delas, são grandes as chances de eu ficar naquele silêncio constrangedor.

Entretanto, acho que esse ano, com o lançamento ou repercussão de tantos discos bons (Foo Fighters, Adele, Strokes), acho que estou começando a reparar mais nisso, nas diferenças autorais e na "personalidade" de cada um.

E lógico, sempre que algum artista que você gosta lança um disco novo, é um claro motivo pra melhorar 200% o seu dia e gerar assunto, né? E em junho, tem alguns discos que podem fazer isso por você. Olha só:

Beyoncé - "4"


O cd da diva (eu sei que diva é uma palavra extremamente banalizada, mas Beyoncé é uma pessoa que qualquer outra coisa que você a chamar não é suficiente) já vazou, já deu confusão na gravadora, que acabou adiando o lançamento, mil confusões. Teoricamente, eu nem deveria colocá-lo nessa lista, já que a gravadora resolveu adiar o lançamento, previsto pro dia 28, porque achou que o fato do disco ter vazado prejudicaria as vendas. Mas, os singles lançados antes de tudo isso continuam aí, disponíveis, servindo como boa amostra das próximas músicas.
Lançamento: a gravadora ainda não tem nova data prevista.

Teaser: 1+1


Owl City - "All Things Bright and Beautiful"


Owl City é uma bandinha de um cara só que tem músicas muito legais, sempre com uma mistura de batidas eletrônicas que são sua marca registrada (e que eu particularmente acho firula demais). O primeiro single já foi lançado, e promete não sair muito do estilo do album anterior.
Lançamento: hoje, 14 de junho

Teaser: Aligator Sky


Colbie Caillat - "All of You"


Em 2008, quando ela lançou seu primeiro cd, eu fiquei encantada. Assim, muito fã mesmo. Sabia de cor to-das as músicas, fiquei arrasada por não ter companhia no show que ela veio fazer aqui. No último cd, a empolgação já era bem menor, nem cheguei a baixar o cd todo. Com esse, no entanto, tô bem mais curiosa. Tem uma música em parceria com o rapper Common (que já fez uma ótima música com Lily Allen também) e a musiquinha de estreia, I Do, é de uma fofura só. Pra quem gosta do estilo, promete ser um dos melhores do ano e da carreira de Colbie Caillat.
Lançamento: foi lançado no domingo, dia 12

Teaser: Brighter Than the Sun


Bon Iver - "Bon Iver"


Sabe aquele video que um amigo posta no facebook, daí mais outros amigos curtem, e outros amigos começam a postar também? Certeza que você penso em "Oração" (aconteceu aqui também), mas eu estou falando mesmo é de Bon Iver. O cara tem um som meio folk, com uma voz deliciosa e músicas irresistíveis. Seu novo trabalho conta com várias colaborações, com gente tipo Arcade Fire.
Lançamento: 21 de junho

Teaser: Calgary

Agora, a pergunta é: qual desses vai ficar no repeat por mais tempo? :]